current time

sexta-feira, 24 de Março, 2017 - 09h13

website utilities

Internet móvel no Brasil é a mais cara da América Latina

Foto: Creative Commons / Wikimedia

Foto: Creative Commons / Wikimedia

Já não basta as reclamações que a internet móvel brasileira recebe dos usuários pela baixa qualidade e velocidade, eis que uma pesquisa da GSMA, entidade que representa os interesses dos operadores móveis em todo o mundo, revela a "gota d'água": o serviço no Brasil, além de ruim, é o mais caro de toda a América Latina. 

Foram analisados 16 países da região, entre os períodos de 2010 e 2013, a fim de traçar a evolução dos valores da banda larga móvel. No geral, os preços diminuíram ao longo dos anos por toda a América Latina, com excessão do Brasil, onde os preços aumentaram. 

 O país lidera com os custos mais altos em dois quesitos: quando comparados planos de modems com franquia de pelo menos 1GB e para celulares com franquia de pelo menos 1GB. No primeiro caso, o custo brasileiro é de US$ 32 contra uma média de US$ 15,60 na região latina e, no segundo caso, o custo dos brasileiros fica por US$ 24,70 comparado com a média de US$ 14,44 no restante da região. 

Mas nem tudo é desilusão. Os pacotes mais populares de dados, no Brasil, possuem valores mais aceitáveis. Por exemplo, a banda larga para smartphones com franquia a partir de 250MB custa em torno de US$ 5,90 - 30% do que era cobrado em 2010, contra uma média de 48% de outros países latinos.