current time

sábado, 25 de Março, 2017 - 16h35

website utilities

Jogadores cruzam os braços em mais um protesto

A escalada de protestos do Bom Senso FC deu uma desacelerada na 37.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Se na semana anterior os jogadores até se sentaram no chão, de braços cruzados, em protestos contra o calendário do futebol nacional e a favor do fair play financeiro, desta vez a ação foi mais discreta.

No jogo que abre a 37.ª rodada, entre Fluminense e Atlético Mineiro, no Maracanã, as duas equipes se colocaram frente a frente, em cima do círculo central, e os jogadores permaneceram por menos de um minuto com os braços cruzados, imóveis.

Mas o protesto acabou tendo pouco impacto. Parte porque a torcida do Fluminense manteve os cânticos de apoio ao time, que luta contra o rebaixamento. Parte porque garoava no Maracanã e alguns jogadores não conseguiram ficar parados, com frio, mostrando necessidade de manter o aquecimento.

Cerca de meia hora antes do jogo, o grupo postou no Facebook um pedido para que a torcida apoie os protestos na rodada. "Gostaríamos que aqueles que apoiam o movimento e estejam no estádio, cruzem os braços, aplaudam os atletas, deem seu incentivo de alguma forma. O torcedor será um dos principais beneficiados se as propostas do Bom Senso forem atendidas", escreveram os jogadores.