current time

quinta-feira, 30 de Março, 2017 - 19h37

website utilities

Ponte empata com Vélez e decidirá a vaga na Argentina

A segunda partida internacional da Ponte Preta no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, nesta quinta-feira, não foi do jeito que os mais de 12 mil torcedores sonhavam. Em um jogo sonolento e sem nenhuma emoção, ficou no empate por 0 a 0 com o Vélez Sarsfield, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana. Na próxima quinta, no duelo da volta, que será realizado no estádio José Amalfitani, em Buenos Aires, na Argentina, um empate com gols a garante na semifinal, por marcar gol fora de casa. Se o duelo tiver um vencedor, este garantirá a vaga. Agora, se houver outro empate sem gols, a decisão será nos pênaltis.

Todo primeiro tempo foi muito brigado, catimbado, sem grandes jogadas ofensivas. A Ponte Preta criou apenas duas chances no primeiro tempo. A primeira foi aos 14 minutos, com Leonardo. Rafael Ratão fez boa jogada e lançou para o atacante, que bateu colocado, com grande efeito, obrigando Sosa a fazer uma linda defesa.

O Vélez Sarsfield tinha mais posse de bola, mas não era perigoso, trocando passes no meio de campo, sem muita objetividade, já que a linha de defesa da Ponte Preta estava bem armada. Por sua vez, quando tinha a bola, a equipe da casa também não conseguia entrar na defesa argentina.

No entanto, em um momento de emoção do jogo, a Ponte Preta teve a segunda chance. Aos 37 minutos, Leonardo recebeu na área e cruzou na cabeça de Rafael Ratão, que testou para mais uma boa defesa de Sosa. A resposta argentina aconteceu aos 40. Após rebote, Romero bateu de primeira, rente à trave de Roberto.

O segundo tempo começou um pouco mais emocionante do que foi o primeiro. Aos três minutos, Leonardo recebeu e de fora da área bateu rente à trave de Sosa. A resposta argentina foi no ataque seguinte. Após falha da defesa, a bola sobrou para Allione, que chutou cruzado, muito perto do gol de Roberto.

O jogo era morno, mas aos 24 minutos o Vélez Sarsfield teve a sua melhor chance. Após cruzamento, Cabral recebeu no meio da área, mas pegou mal e isolou por cima do gol de Roberto. No resto, o jogo seguiu sem grandes emoções.

No final de semana, os times voltam as suas atenções para os campeonatos nacionais. A Ponte Preta enfrenta o Criciúma, neste domingo, em Criciúma (SC), em "jogo de seis pontos" contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro. No mesmo dia, o Vélez Sarsfield encara o Quilmes, pelo Torneio Inicial do Campeonato Argentino.

FICHA TÉCNICA

PONTE PRETA 0 x 0 VÉLEZ SARSFIELD

PONTE PRETA - Roberto; Artur (Régis), Ferron, Diego Sacoman e Uendel; Baraka, Fernando Bob e Fellipe Bastos; Chiquinho (Adrianinho), Rafael Ratão (Adailton) e Leonardo. Técnico: Jorginho.

VÉLEZ SARSFIELD - Sebastián Sosa; Fabián Cubero, Fernando Tobio, Sebastián Domínguez e Emiliano Papa; Agustín Allione, Lucas Romero, Héctor Canteros (Desabattos) e Ariel Cabral; Lucas Pratto e Mauro Zárate (Ramiro Cáseres). Técnico: Ricardo Gareca.

CARTÕES AMARELOS - Uendel (Ponte Preta); Fabián Cubero (Vélez Sarsfield).

ÁRBITRO - Darío Ubriaco (Fifa/Uruguai).

RENDA - R$ 175.633,00.

PÚBLICO - 12.506 pagantes.

LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).